Segurança do transplante autólogo de células mononucleares da medula ...

SEGURANÇA DO TRANSPLANTE AUTÓLOGO DE CÉLULAS MONONUCLEARES DA MEDULA ÓSSEA EM PACIENTES COM ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL ISQUÊMICO NÃO AGUDO

  • O objetivos deste estudo foi avaliar a segurança e viabilidade do transplante autólogo de células mononucleares da medula óssea em pacientes com acidente vascular cerebral não agudo isquêmico da artéria cerebral média dentro de 90 dias do início dos sintomas. Foi estudado seis pacientes que receberam 1-5 × 10.000.000 de células mononucleares da medula óssea e foram avaliados com exames de sangue, exame neurológico e exames de imagem antes do tratamento e 1, 3, 7, 30, 60, 90, 120 e 180 dias após o transplante. Cintilografias foram realizadas  2 e 24 h após o procedimento para analisar a biodistribuição das células marcadas. Eletroencefalograma foi realizado dentro de 7 dias após o transplante. Os resultados foram que nenhum paciente apresentou qualquer complicação ou eventos adversos durante o procedimento. Não hauve deterioração nas escalas neurológicas até ao final do seguimento. O transplante intra-arterial de células mononucleares da medula óssea é procedimento viável e seguro em pacientes com AVC isquêmico não agudo da artéria cerebral média.

PDF DOWNLOAD
Links Relacionados

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba gratuitamente nossos informativos em seu email.

Nome:


E-mail:

FACEBOOK


BLOG

Weblite - Soluções para Internet