Do laboratório ao paciente: Uma atualização sobre en...

DO LABORATÓRIO AO PACIENTE: UMA ATUALIZAÇÃO SOBRE ENSAIOS CLÍNICOS COM CÉLULAS-TRONCO MESENQUIMAIS (2007)

  • Células-tronco mesemquimais (MSCs) são células-tronco não-hematopoiéticas multi-potentes capazes de se diferenciar tanto em linhagens mesemquimais como não mesemquimais. Em fato as células-tronco mesemquimais são capazes de formar tecido ósseo, cartilagem, gordura, mioblastos, além de têrem demostrado  vivo e in-vitro a capacidade de se diferenciar em neurônios e astrócitos. As células-tronco mesemquimais são de interesse prático porque elas são facilmente isolados a partir de uma pequena quantidade de aspirado da medula óssea e pode ser facilmente expandido in vitro. Neste artigo discuti-se estudos clínicos baseados na utilização de células-tronco mesemquimais em doenças cardiovasculares, tais como o tratamento de infarto agudo do miocárdio, doença cardíaca isquêmica em estágio final, ou para a prevenção de restenose vascular. São analisados dados de ensaios clínicos para o tratamento da osteogênese imperfeita que é uma doença genética caracterizada pela produção deficiênte dp colágeno tipo I. É estudado o progresso das terapia com células-tronco mesemquimais para tratamento das doenças neurológicas como na esclerose lateral amiotrófica (ELA), síndrome de Hurler e leucodistrofia metacromática.  Uma seção de revisão é dedicado a ensaios clínicos em curso, envolvendo o tratamento da doença do enxerto versus hospedeiro, periodontite,
    insuficiência cardíaca e fraturas ósseas.

PDF DOWNLOAD
Links Relacionados

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba gratuitamente nossos informativos em seu email.

Nome:


E-mail:

FACEBOOK


BLOG

Weblite - Soluções para Internet